Central de Atendimento
Telefone de Contato
(67) 3348 3300

CURSO REDAÇÃO TÉCNICA, ELABORAÇÃO DE RELATÓRIOS, PARECERES, NOTAS TÉCNICAS E DOCUMENTOS OFICIAIS

(Manual de Redação da Presidência da República, terceira edição, Decreto n. 9.758, de 11/4/2019)

 

Nos últimos 40 anos, a Administração Pública Brasileira passou por grandes transformações, sobretudo como parte do trânsito para a democracia. Desenvolveram-se novas práticas e expectativas de modernização, mas muitas de suas características tradicionais ainda não foram removidas. A modernização efetiva somente ocorrerá de forma significativa com mudanças na comunicação entre as instituições públicas entre si, entre as instituições públicas e privadas e entre o público e a sua administração.

Saber explicar situações, definir conceitos, instruir processos, recomendar ações e apresentar soluções são alguns dos diferenciais do profissional da sociedade da informação e do conhecimento. Lembre-se de que seus textos são a evidência persuasiva de sua competência, personalidade e capacidade profissional.

O bom comunicador deve perceber que o compromisso permanente com a clareza e objetividade é essencial para a correta implementação das ações que se torna necessário desencadear. Nesse sentido, economizar o tempo despendido na geração de documentos técnicos e administrativos é de suma importância para o bom funcionamento institucional.

Este plano de ação foi idealizado a partir dessa visão, com o objetivo de refletir as evoluções do mundo digital e desenvolver técnicas de comunicação e expressão escrita na redação oficial e técnica, de acordo com a terceira edição do Manual de Redação da Presidência da República, publicada em 27/12/2018 e o Decreto n. 9.758, 11/4/2019.

 

21 a 24 de março de 2022

Objetivos Gerais

Desenvolver técnicas que ajudem a produzir documentos técnicos e oficiais, expressando ideias de maneira clara, precisa, concisa, aplicando-as ao contexto institucional, de acordo com o novo Manual Redação da Presidência da República, em vigor a partir de 27/12/2018.

 

Objetivos Específicos

 

•Estimular a reflexão crítica sobre a realidade.

•Melhorar o fluxo de comunicação inter e entre segmentos e órgãos, assim como entre a instituição e os clientes internos e externos.

•Fornecer ao treinando instrumentos que o auxiliem a redigir relatórios e pareceres com propostas de recomendações e determinações, de acordo com critérios de clareza, convicção, concisão, exatidão, legibilidade, relevância e objetividade. 

 

A quem se destina

Profissionais envolvidos com a geração, edição e customização de DOCUMENTOS OFICIAIS, ELABORAÇÃO DE RELATÓRIOS, PARECERES E NOTAS TÉCNICAS, que devem chegar todos os dias a leitores que necessitam dessas informações para implementar ações administrativas.

Conteúdo programático

PRODUÇÃO DE TEXTO

•Os princípios da Administração Pública refletidos nos textos oficiais (legalidade, impessoalidade, moralidade, publicidade e eficiência);

•Compromisso administrativo dos servidores com os documentos elaborados;

•Sensibilização para a importância dos documentos profissionais que têm por objetivo subsidiar tomadas de decisões;

•O que faz a qualidade dos textos profissionais;

•A linguagem dos documentos oficiais;

•Reflexo da Administração Pública Gerencial nos textos profissionais;

•Empatia na hora de escrever o texto, hierarquia das informações, uso de frases curtas e ordem direta.

PRINCÍPIOS NORTEADORES DA PRODUÇÃO TEXTUAL

•Competência textual: escrever de forma adequada;

•A elaboração do texto – mecanismos geradores;

•O uso da linguagem técnica;

•Os níveis de linguagem;

•Vícios de linguagem

•Estilo e linguagem do moderno texto administrativo;

•Semântica: palavras e expressões adequadas;

•Homonímia, hiponímia, paronímia, polissemia;

•Como definir claramente o objetivo do texto e manter o foco nas necessidades   informacionais do leitor;      

AS COMUNICAÇÕES OFICIAIS E AS MAIS RECENTES ATUALIZAÇÕES

•Redação de documentos oficiais com base na terceira edição do Manual da Presidência da República, atualizada e ampliada, publicada em 27/12/2018

•Pronomes de tratamento

•Concordância com os pronomes de tratamento

•Signatário

•Cargos interino e substituto

•Signatárias do sexo feminino

•Grafia de cargos compostos

•Tipos de documentos

•Variações dos documentos oficiais

•Correio Eletrônico (E-mail ) como documento oficial de comunicação;

•Valor documental;

•Forma e Estrutura;

•Ofício;

•Ofício conjunto;

•Ofício conjunto circular;

•Forma de tratamento;

•Endereçamento;

•Elaboração de Documentos Oficiais com base no Manual de Redação da Presidência da República, terceira  edição, Decreto n. 9.758, de 11/4/2019)

ARGUMENTAÇÃO DO TEXTO TÉCNICO

•Macroestrutura do texto argumentativo

•Formas de persuasão

•Argumentos e contra-argumentos

•Planejamento do texto

•OS RELATÓRIOS E DEMAIS DOCUMENTOS TÉCNICOS NO CONTEXTO ORGANIZACIONAL

•O texto técnico profissional;

•As formas adequadas de apresentar orientações técnicas: pode, deve, convém  com base na Diretiva Nacional da ABNT, de 2007, que propõe regras para a estrutura e redação de Documentos Técnicos);

•A ordem das ideias nos relatórios, pareceres e demais documentos; 

•A necessidade de pesquisa para elaborar o texto técnico;

•Definição, classificação e organização de relatórios, pareceres e demais documentos institucionais;

•Elementos que podem compor a estrutura de documentos técnicos (elementos  pré-textuais, elementos textuais e elementos pós-textuais, conforme normas da ABNT – Associação Brasileira de Normas Técnicas);

•PADRONIZAÇÃO

•Destaques (aspas, negrito, sublinhado e itálico);

•Siglas, abreviaturas, abreviações e símbolos;

•Escrita de números no texto;

•Normas da ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas);

•Lei Complementar nº. 95/98, de 26 de fevereiro de 1998;

•QUESTÕES GRAMATICAIS APLICADAS AOS TEXTOS ADMINISTRATIVOS OFICIAIS

•Concordância verbal;

•Concordância nominal;

•Regência verbal;

•Regência nominal;

•Acentuação gráfica;

•Emprego de iniciais maiúsculas;

•Pontuação: uso da vírgula e do ponto-e-vírgula;

•Pronomes demonstrativos;

•Pronomes de tratamento;

•Crase;

•Verbos com duplo particípio;

•A nova ortografia da língua portuguesa;

•Emprego do porquê;

•Uso de siglas;

•Abreviaturas; 

•Escrita de horas, datas e números;

•Uso de sinais (aspas, hífen, parênteses, travessão)

•Outras questões gramaticais relevantes que surgirem na análise e elaboração dos documentos ou exercícios.

 

suelyzcobucci

Instrutor(a)

Suely Cobucci

Educadora Empresarial, consultora e palestrante em Recursos Humanos (RH), Diretora da Cobucci - Desenvolvimento Humano Ltda., Mestranda em Liderança pela Unisa – Universidade de Santo Amaro-SP, Mestrado em Recursos Humanos e Gestão do Conhecimento pela FUNIBER - Fundação Iberoamericana Espanha/Brasil, Pós-graduada em Didática do Ensino Superior pela Universidade Católica de Brasília, Pós-graduada em Psicopedagogia pela UniCEUB, Especialista em Dinâmica de Grupo pela SOBRAP (Sociedade Brasileira de Psicoterapia e Psicodrama). Especialista em Jogos de Empresa, Formação em Life & Professional Coaching pela Sociedade Brasileira de Coaching (2012)licenciada pelo Behavioral Coaching Institute e pelo International Coaching Council.  Consultora responsável pela atualização, ampliação e revisão da terceira edição do Manual de Redação da Presidência da República, em Acordo de Cooperação com a Casa Civil. Consultora responsável pela elaboração do Manual de Redação e Estilo do Banco Interamericano de Desenvolvimento - BID. Consultora responsável pela elaboração do Manual de Redação da Embrapa. Graduada em Letras – Língua Portuguesa e Literaturas pela UniCEUB - Universidade do CEUB. Professora aposentada da cadeira de Redação e Língua Portuguesa da Secretaria de Educação do Distrito Federal. É professora do Cespe – Centro de Seleção e Promoção de Eventos – na área de Redação Oficial dos cursos de formação para os recém-aprovados em concurso público. Autora do livro: O Domínio da Redação Empresarial – Exigência de Qualidade nas Organizações (no prelo). Desde 1994, dedica-se ao estudo de temas ligados à melhoria de performance, autoconhecimento, crescimento pessoal e profissional, tendo participado de inúmeros eventos presenciais e a distância, em Brasília e no Brasil.

Local

Curso EAD síncrono (online - ao vivo)

Mais Informações

Carga Horária: 20 h/aula com 4horas/aula ao dia e 4horas/aula invertida (extraclasse)

Horário: 8h30 às 12h30m (horário Brasília)

Incluso: Apostila em PDF

Dados Bancários

. Banco do Brasil: Ag.2936-X c/c:132867-0

Investimento

R$ 1.280,00

Formato: Curso EAD Síncrono (on line ao vivo)

 

•Interação em uma plataforma de aulas ao vivo entre professor e alunos.

•O conteúdo é adequado para essa nova configuração de capacitação online, com a mesma qualidade dos cursos presenciais. 

•Todos poderão se comunicar com o instrutor, tanto através de chat como por microfone.

•Os participantes receberão login e senha para acesso a plataforma segura, com transmissão por áudio, vídeo, chat e compartilhamento de conteúdo e, nos dias e horários marcados participarão das aulas.

•Apostila em PDF enviada por email ao responsável em até 24 horas antes do início do curso.

•Certificado 

•O curso ficará gravado e disponível para revisão da matéria por 24 horas.

 

Os participantes deverão possuir os requisitos técnicos recomendados:

 

•Computador e processador: Mínimo de 2 GHz (ou superior) (32 bits ou 64 bits).

•Memória: 4 GB de RAM

•Disco rígido: 3 GB de espaço em disco disponível

•Display: Resolução de tela 1024 x 768

•Hardware gráfico: Mínimo de 128 MB de memória gráfica

•Sistema operacional: Windows Server 2012 R2+, Windows 10 ou Windows 8.1 de 32 bits e 64 bits. Para obter uma melhor experiência, use a versão mais recente do sistema operacional.

•Versão do .NET: Exige .NET 4.5 CLR ou posterior

•Dispositivos: Câmera de notebook (opcional), microfone e alto-falantes padrão

 

Importante

Política de cancelamento ou adiamento de inscrições de cursos:

Por Iniciativa da SUPER CURSOS: o curso poderá ser cancelado ou adiado por falta de quórum ou outras razões, com 24 horas de antecedência da data prevista para seu início.

 

Por Iniciativa do Participante: O cancelamento deverá ser solicitado até 72 horas de antecedência do início do curso, após este prazo não haverá devolução do valor pago. Há possibilidade de substituição do participante.

 

O conteúdo deste curso poderá ser customizado de acordo com a sua necessidade, no formato in company ou compartilhado. Converse conosco.

 

Mais Cursos